Voltar

Em casa de ferreiro, o espeto é… o mais afiado possível

Salut!

Gosto muito dos ditos populares.

São como pílulas de sabedoria que ajudam, como ninguém, a explicar uma mensagem que desejamos passar e, sem saber exatamente por onde começar ficamos catando as palavras… usamos um ditado e pronto, tudo fica claro!

Então, hoje eu escolhi um ditado popular que provavelmente você conhece e ilustra perfeitamente o tamanho da alegria e do senso de realização que estou sentindo. Ele diz assim:

“Casa de ferreiro, espeto de pau”.

Essa expressão é usada para se referir a uma pessoa que é hábil em determinada coisa, mas não é capaz de usar essa habilidade a seu favor. A pessoa aplica o que sabe para os outros, mas não para si próprio.

Por isso, eu estou tão entusiasmada e motivada. Tenho aqui na minha “casa” belos espetos de ferro!

Eu explico…

Fui capaz de aplicar à minha própria vida as habilidades de coach e designer de carreira que tanto ofereço a você, via os conteúdos e serviços dessa plataforma.

Tudo bem, se você me acompanha por aqui já sabe que, de propósito, eu liderei algumas importantes transformações na minha vida. Mas já adianto que de todas as que vivi até agora, essa mudança foi a mais difícil e intensa.

Caso queira conhecer mais sobre a minha trajetória profissional e as mudanças que liderei, você pode assistir esse vídeo que publiquei no canal do Salada no Youtube.

Vou te contar…

Eu acredito na força do protagonismo profissional como um caminho para transformar o ambiente em que vivemos, e para desenhar uma vida mais feliz e realizada.

E eu ansiava por uma forma de escalar essa mensagem… um meio de levar o meu trabalho a mais pessoas, a mais lugares.

Senti, então, que era hora de me jogar em uma nova transformação profissional e há pouco mais de um ano, iniciei a minha jornada digital.

Lógico que eu sabia que não estava 100% preparada. Mas confesso que só depois, pude perceber que eu estava, na verdade, muito mais distante da prontidão do que podia imaginar… risos.

Esse movimento exigiu de mim o aprendizado de muitas e diferentes habilidades e, também, a capacidade de coordenação de múltiplas atividades.

Porém, creio que essa seja a parte de um processo de mudança de carreira que todo mundo consegue facilmente perceber, você não acha?

Por isso, o que eu quero mesmo compartilhar com você é um pouco dos bastidores dessa história… isso quase ninguém conta, né? Mas eu, sua designer de carreira, vou te contar direitinho…

Durante esse processo, eu…

… ALTERNEI altos e baixos, fui da motivação extrema à procrastinação paralisante;

… CONVIVI com sentimentos ambíguos, cheguei a pensar que habitava em mim uma outra pessoa com objetivos bem diferentes dos meus;

… ENFRENTEI julgamentos e críticas de muitas pessoas. Talvez, por não entenderem o projeto, por valorizarem outras coisas ou, quem sabe, só queriam contribuir com suas críticas construtivas;

… CONFIRMEI que o estímulo necessário para dar o 1º passo não vem, na maior parte das vezes, dos que nos amam e convivem conosco. Eles temiam o meu fracasso, queriam me proteger;

… COMPROVEI, mais uma vez, que só a conexão verdadeira com quem somos, com a nossa essência, nos permite seguir em frente sem exatamente saber aonde vamos parar;

… ATESTEI que ampliar nossa zona de conforte é dolorido demais, mas só aí acontece a mudança de mindset necessária para sustentar uma transformação tão complexa.

A sensação era de que eu estava vivendo em dois mundos… Só de lembrar me dá calafrios!

De um lado o chamado “mundo físico” e os projetos presenciais da minha consultoria, onde eu seguia lidando com as questões e necessidades das pessoas interessadas nesse foco de atuação.

Do outro lado, o tal “mundo novo” que me acenava um montão de novas oportunidades, mas, ao mesmo tempo, me apresentava outro montão, ao quadrado, de obstáculos a serem vencidos antes de emitir o meu visto de entrada para o universo digital.

Mas, após um longo e dolorido processo de mudanças e descobertas, consegui carimbar meu passaporte. Lancei meu primeiro produto vendido online, a Mentoria Sempre BETA.

E é, por isso, que estou comemorando. Aqui nessa “casa” os espetos, definitivamente não são de pau. O caminho ainda é longo, mas ferro e habilidades não vão faltar!

Eu aplico as minhas habilidades no desenho da minha própria vida, conquistando o direito de afirmar que posso, também, com essas mesmas habilidades ajudar você a desenhar o seu projeto de vida e carreira.  

Com o meu grupo de mentoria online, a Mentoria Sempre BETA, eu consigo hoje escalar muito mais pessoas, e ajudá-las a transformarem a si mesmas para, assim, mudarem suas próprias vidas e a nossa sociedade.

Isso não é lindo? Eu fico profundamente emocionada, de verdade. E assim, venho conseguindo trabalhar com o que gosto, de propósito.

Que tal, então, descobrir esse primeiro fruto dessa minha jornada digital, a Mentoria Sempre BETA. O meu mais novo projeto para ajudar protagonistas a virarem o jogo e a liderarem as mudanças que desejam.

Quero conhecer a Mentoria Sempre BETA!

Ao compartilhar contigo alguns dos desafios que enfrentei, sendo eu mesma uma designer de carreira e coach, especialista em transformação profissional, busco duas coisas:

  1. Concordar com você que é difícil sim e que não há atalhos. Oferecer apoio aos seus momentos de dúvida, medo e incerteza;
  2. Mostrar a você que, apesar das dificuldades, é sim totalmente possível trabalhar com aquilo que desejamos. Desafiá-lo a seguir em frente, sempre o lembrando por que começou.

Quero, contando esse pedaço recente da minha trajetória de carreira, incentivá-lo a começar HOJE mesmo a sua jornada de mudança e dar o seu 1º passo.

Você não tem que saber aonde exatamente está indo, só precisa enxergar a direção que deseja seguir. O seu primeiro passo é se colocar em movimento.

Aproveito para te perguntar:

Qual dessas afirmações mais se aproxima da transformação que deseja?

View Results

Carregando ... Carregando ...

Acredito que todas as experiências são transformadoras. Elas nos permitem ir criando a história que desejamos e, mais à frente, iremos narrar e relembrar.

Mas nós, eu e você, sabemos que essa tal “construção do futuro”, na verdade, começa HOJE. Melhor, está acontecendo AGORA mesmo, não é verdade?

Por isso, convido você a responder:

Que experiências quer viver?

Que história deseja contar?

Eu escuto muitas pessoas dizerem que desejam mudar, mas ao mesmo tempo dizem que não estão preparadas, que o contexto não está favorável, que não enxergam alternativas, que não têm tempo etc.

A verdade é que ninguém nunca estará 100% pronto. E tudo bem! O importante é não ficar esperando esse tal momento perfeito.

O que realmente importa é começar a jornada!

Assim, entre uma transformação e outra, seguimos conversando!

Bisous,

Claudia Klein

Compartilhe
FacebookTwitterLinkedInPinterestWhatsAppEmail
print