Voltar

Como vai o happy hour?

Imagem: Huffington Post

Um drink com os colegas depois do expediente pode fazer muito bem à carreira!

Hoje, 24 de novembro, é celebrado o aniversário de Henri de Toulouse-Lautrec, artista francês conhecido por registrar em suas pinturas a vida boêmia de Paris no fim do século XIX. Se ainda estivesse vivo, completaria 150 anos. A data faz pensar: um certo nível de boemia pode fazer bem para a sua carreira.

Calma, eu explico. Não é para largar o emprego e beber todas no botequim da esquina. Mas tomar um drink ou suco com colegas de trabalho no fim do expediente é uma excelente forma de honrar a boemia e, mais importante ainda, estreitar os laços com quem trabalha com você.

Passamos grande parte de nosso tempo nos dedicando ao trabalho. Dessa forma, mais que manter o profissionalismo e a boa convivência, certo nível de amizade pode fazer muito bem: ajuda o escritório a se tornar uma ambiente mais acolhedor, seguro e – por que não? – inspirador.

Ao se aproximar das pessoas que trabalham com você, a vida profissional fica mais leve e a pressão tende a diminuir. Isso dá a mente oportunidade para respirar e relaxar, o que estimula a criatividade e pode fazer muito bem tanto para a sua produtividade quanto para o seu bem estar.

Existe no happy hour ainda a possibilidade de fazer networking. A oportunidade de conhecer novas pessoas, seja porque estão no mesmo lugar ou são amigas ou colegas de quem trabalha com você, é real e pode ser muito bem aproveitada. Por que não aproveitar um momento de descontração para ampliar a sua rede de contatos?

Para aprimorar suas habilidades de networking e encontrar formas de aumentar a sua produtividade, conheça nossos serviços de coaching e conte com o apoio de nossos coaches para o seu desenvolvimento. Para saber mais, é só entrar em contato.

E aí, como vai o happy hour?

Compartilhe
FacebookTwitterLinkedInPinterestWhatsAppEmail
print