Voltar

Sobreviva em meio a crises

Sobreviva em meio a crises

Conheça as dicas de nossos clientes para se sair bem em situações de crise.

A empresa está passando por uma grave crise. E agora? Como lidar com isso? Nessas situações, é difícil não se deixar afetar, mas é preciso saber contornar. Para o bem da sua carreira.

Para que você enfrente crises sem perder a cabeça, reunimos algumas dicas de nossos clientes que, em casos semelhantes, conseguiram manter a calma e atravessar a tempestade.

Fofoca? Não, obrigado. Procure se manter longe de boatos. Não dê ouvidos, não espalhe e, principalmente, não dê motivos para ser o alvo deles. Fofoca aumenta insegurança e prejudica o trabalho. Procure conversar com seus superiores, colegas e subordinados clara e abertamente para saber o que precisa em vez de escutar pelos cantos.

Improdutividade. O clima pesado e cheio de incertezas que se instaura em meio a uma crise reflete na sua produtividade, que cai consideravelmente. Mantenha a concentração e o foco, pois se a qualidade do seu trabalho diminuir, pode sobrar para você.

Em caso de demissões, manter o ânimo não é fácil. Afinal, o que impede que você esteja na lista dos próximos? Mas é importante ver o lado positivo. Encare isso como uma oportunidade de se mostrar indispensável – o que pode lhe render bons frutos uma vez que a crise termine.

Quando a tensão aumenta, você trabalha mais, dorme menos, se alimenta mal… Nada de descuidar da saúde. Se você não estiver bem, não terá como fazer um bom trabalho. Não são jornadas mais longas que vão colocar a empresa de volta nos trilhos. Tempo é uma coisa, eficiência é outra.

Competir? Má ideia. Crises não são oportunidades para mostrar que você é melhor que os outros e, por isso, merece tratamento de herói. Pelo contrário, é para trabalhar em equipe, de forma que cada parte do todo tenha papel importante para a recuperação da marca. Nessas horas, saiba a diferença entre liderança e autopromoção.

Entrar em pânico e fugir? Se você pensa em pular do navio antes que ele afunde de uma vez, considere antes quais são as chances dele voltar a navegar com sucesso, como você pode ajudar a reparar os danos e que papel poderia assumir nas viagens vindouras. Se realmente não houver luz no fim do túnel e você acreditar que seja melhor para a sua carreira buscar outras oportunidades, tudo bem. Mas essa decisão deve ser muito bem pesada.

Para garantir o seu bom empenho em situações de crise, conte com o nosso Programa Salada Corporativa de Coaching de Carreira. Para saber mais, é só falar conosco!

Compartilhe
FacebookTwitterLinkedInPinterestWhatsAppEmail
print