Voltar

O que nossos cães ensinam

O que nossos cães ensinam

Cachorros, quem diria, têm muito a nos ensinar sobre trabalho!

O melhor amigo do homem sempre teve muito a nos ensinar. Lições de amor, amizade, companheirismo, perdão, persistência… Se temos tanto a aprender com eles sobre aproveitar a vida e dar valor às coisas mais simples, em termos de trabalho não seria tão diferente.

Vamos começar essa semana prestando atenção em nossos cachorros e aprendendo com eles?

Uma das características mais marcantes desses animais é a lealdade. Cães são famosos por serem sempre fieis a seus donos. O que você pode tirar disso? Que deve ser leal aos seus valores e isso impacta diretamente no seu negócio. Um cachorro não pede a alguém que ele não gosta para jogar a bolinha. Da mesma forma, não adianta você investir seu tempo e dinheiro em algo que não lhe dá prazer. Trabalhar com gente que não acrescenta nada ao seu desenvolvimento também não é bom. Cerque-se de profissionais produtivos, empenhados e dedicados não apenas com seus próprios interesses, mas com os do grupo.

Cães seguem seus instintos e você provavelmente deveria fazer o mesmo. Calma, não é para você sair latir para uma pessoa que pareça assustadora e depois se esconder atrás das pernas de alguém, mas esquive-se desse tipo de gente e situação. Se um cachorro se sente ameaçado e percebe que algo pode trazer muito mais malefícios que benefícios, ele se afasta. Sair da zona de conforto é importante para crescer, mas isso não significa que você precisa pôr a cabeça na boca de um leão. Confie em seus instintos. Se algo dentro de você diz que algo pode ser bom, vá com tudo. Mas se aquela sensação ruim for muito forte, pode apostar: você vai encontrar oportunidades melhores.

Seja persistente. Já reparou que seu cão não para de pular na sua perna pedindo comida? E, mesmo que você brigue e ele fique quieto, não tira os olhos de você? Isso é porque ele não perde o foco e continua de olho em seu objetivo. Ele persiste. Este é um excelente exemplo a ser seguido, especialmente quando se trata de negócios. Você pode recuar, pode parar um pouco, mas não deixe suas metas para lá. Aprenda a lidar com rejeição, contornar obstáculos e derrotar qualquer problema que aparecer em seu caminho.

Já reparou como seu cachorro faz a maior festa quando você chega em casa, mesmo que só tenha saído por cinco minutos para ir à esquina comprar pão para o café da manhã? É porque eles dão tudo de si. Inspire-se nessa empolgação e dê tudo de si, você também, para o seu trabalho, para o que você acredita. Não é para você chegar em uma reunião de negócios abanando o rabinho e lambendo o rosto dos outros, mas demonstre animação e entusiasmo. Se você se esforçar para ir só um pouquinho que seja além daquilo que já é esperado, novas oportunidades surgirão. Doe-se.

Você vive usando o computador, está sempre no telefone e checando e-mails no seu palm? Calma. Dê uma desacelerada. Para cães, isso tudo não passa de um monte de plástico, vidro e metal. Reserve algum tempo para você mesmo, longe de tecnologias. Respire, relaxe, descanse. Levar seu cachorro para passear e “esquecer” o celular em casa pode ser muito revigorante.

E aí, o que você aprendeu com seu cão que pode ser aplicado no mundo dos negócios? Conte para a gente!

Compartilhe
FacebookTwitterLinkedInPinterestWhatsAppEmail
print